Abaixo as duvidas mais comuns se tiver alguma outra não listada aqui envie-nos um e-mail (info@ozonio.com.br) teremos prazer em auxilia-lo.

 

TEL (11) 4063 8033 - CEL (11) 8593 6555 

 

1 - O que é o ozônio ?

2 - Como funciona um equipamento de gerador de ozônio ?

3 - Quais as dimensões deste gerador de ozônio OZONTECHNIK ?

4 - Que energia utiliza ?

5 - O ozônio muda as propriedades da sua água?

6 – Quanto tempo ozônio para eliminar odor de Cigarro em um apartamento ?

7 - O uso de ozônio é seguro ?  

8 - O ozônio é mais eficaz que o cloro ?

9 - Se o ozônio é tão bom, porque não se utilizava no Brasil ?

10 - Quais as vantagens de um gerador de ozônio OZONTECHNIK, em relação aos concorrentes ?

12 - Quanto custa ?

13 - Como analisar ozônio na água (residual) ?

14 - Como analisar ozônio no Ar ?

15 - Como dimensionar um gerador de ozônio para tratamento de água ?

16 - E como o faricante de um gerador de ozônio sabe qua esse ou aquele gerador produz tantas gramas hora?

17 - Ouvi uma reportagem em um jornal local que fala que ozônio é um poluente e faz mal. Isso é contrário a tudo que li acima como explicar ?

18 - Quer saber mais sobre a camada de ozônio e sua destruição acesse o exelente link abaixo ?

19 - Existem estudos publicados sobre ozônio ou isso é uma novidade?

20 - Quer conhecer a história do ozônio?

21- O uso do Ozônio é aprovado pelos orgãos de saúde?

 

 

1 - O que é o ozônio ?

O ozônio (O3), existe na atmosfera e é gerado pela ação dos raios elétricos nos átomos de oxigênio (O2) existentes no ar. Por isto, dizemos que o ozônio é uma forma alotrópica do oxigênio. É uma molécula com três átomos de oxigênio. É um gás incolor. 

2 - Como funciona um equipamento de gerador de ozônio ?

Basicamente consiste em um tubo (dielétrico), no qual passa o oxigênio, e aonde uma descarga elétrica constante (efeito corona), gerada através de um transformador nele existente, transforma a molécula de oxigênio (O2) em uma molécula de ozônio (O3), pela adição de um átomo. A seguir, este gás (ozônio) é succionado por um sistema "venturi" e mesclado com a água a ser tratada, em um misturador que opera na sua linha principal de água e recebe o ozônio proveniente do gerador ou no caso de tratamento do ar o gás e aplicado no local ou duto de ar. Geralmente no tratamento de água usamos seu tanque de estocagem e dutos, como "tanque de contato", vendemos o equipamento não projetos. Caso necessite contate uma empresa de Engenharia Especializada.

3 - Quais as dimensões deste gerador de ozônio OZONTECHNIK ?

Para tratamento de ar profissional trata-se de uma maleta do tamanho de uma maleta executiva com peso de 15 kilos – 50 x 50 x 20 cm, é fácil e cômoda de ser transportada, pode ainda ser montada num carrinho com rodinhas.

O modelo para tratamento de água um gabinete (um painel elétrico), em aço com 720 x 600 x 250 mm , que se fixa a uma parede usando quatro parafusos de 8 mm . Terá ainda fixado ao lado, na mesma parede, um gerador de oxigênio com dimensões 680 x 440 x 250, complementando essa instalação, uma bomba centrífuga e um ejetor. Simples.

4 - Que energia utiliza ?

O gerador de ozônio OZONTECHNIK, opera com 220 V CA 60 Hz ou 110 Volts conforme seu pedido.

  5 - O ozônio muda as propriedades da sua água?

Não. Engana-se quem diz o contrário. A literatura existente que é fruto de extensas pesquisas em países tecnicamente adiantados, diz que não altera, se dosado na proporção correta. Sendo sua água magnesiana, hipotermal, alcalina, etc., ela continuará sempre com a mesma fórmula. O que o ozônio oxidará serão as algas (água verde), microorganismos contaminantes, matéria orgânica, além do Ferro e do Manganês. Um filtro posterior (seu filtro convencional, com elementos em PP - polipropileno), reterá estes itens após oxidados. Não afeta os sais da água.

6 – Quanto tempo ozônio para eliminar odor de Cigarro em um apartamento ?

O ozônio irá liberar para o próximo hospede em 15 minutos, sem usar produtos químicos ou agredir o meio ambiente.

 
7 - O uso de ozônio é seguro ?

Muito, ele vem sendo usado há muitos anos nos Estados Unidos e Europa aonde a legislação é extremamente rígida. Existem ainda aplicações do ozônio para uso clinico (médico) no tratamento de diversas patologias, se quiser saber mais sobre o uso médico do ozônio clique aqui O FDA americano (Food and Drugs Administration) confere ao ozônio a classificação "GRAS" Generally Recognized as Safe que é o mais alto padrão para segurança para os usuarios de um produto.
 
8 - O ozônio é mais eficaz que o cloro ?

Muito mais. Pesquisas científicas concluíram que dosando-se 0,1 ppm de ozônio em água com 60.000 coliformes por ml, exterminou-os em 3 segundos. O mesmo exemplo, tratado com cloro, demorou 30.000 segundos. O ozônio, é o mais forte agente oxidante conhecido vem sendo utilizado como desinfectante há mais de cem anos.. 
A oxidação do Ferro (Fe ++), também ocorre em curtíssimo tempo de contato. No caso da maioria das águas de fontes no Brasil, cerca de três (3) segundos, provocam a oxidação do Fe ++ em Fe +++. 
Não se utilizam produtos químicos no processo com ozônio. Ele é compatível com o meio ambiente e não fere a natureza.

Ozônio é o mais eficiente sistema para eliminação de odor.

9 - Se o ozônio é tão bom, porque não se utilizava no Brasil ?

Hábitos e preconceito. Utiliza-se ozônio em água mineral no Brasil, há cerca de vinte anos. Nem sempre isto foi divulgado. Não havia equipamentos confiáveis. A importação (de tecnologia), era proibida. A evolução das tecnologias e a instalação da fábrica da Ozontechnik no Brasil em 1995 também tornaram esta tecnologia mais acessível. Veja abaixo alguns equipamentos que fizeram parte da história do ozônio no Brasil fabricados/vendidos/instalados/desenvolvidos por  nossos técnicos.

Primeiro equipamento instalado no Brasil em 1994 ainda em operação  360 g/h

Equipamento instalado em 1998 RHODIA/SP

 

Equipamento de 80 g/h instalado em 2001 Agua Mineral

Primeiro equipamento Ozontechnik para uso em engarrafadoras na Europa 

Janeiro 2000

Itália/França/Alemanha/Inglaterra 

Equipamento de 9/18 g/h CENTURION 10 

Primeiro equipamento para uso odontológico no Brasil em 2005

 

 


10 - Quais as vantagens de um gerador de ozônio OZONTECHNIK, em relação aos concorrentes ?

Ø Atualização Técnica :  São os equipamentos de tecnologia mais avançada. Pergunte a quem tem um Ozontechnik, e já teve de outra marca e trocou. São exportados para vários páises Europeus, Amárica do Norte e Canadá.  Faça a coisa certa da primeira vez. São os mais modernos e compactos.

Ø Voltagem : 220 V ou 110 Volts.

Ø Compacto : pode ser transportado até em um porta-malas de auto. 

Ø Máxima potência, 14 células para produção de ozonio


Ø  Pode operar 24 horas / dia: ao contrário de concorrentes que operam só por um período, pois precisam regenerar seus secadores de ar.

Ø São Aferidos – A Ozontechnik é a única empresa no Brasil que afere um a um a produção de seus equipamentos ou seja quando você compra um gerador de 7 g/h esta levando um equipamento com esta capacidade e não está sendo enganado como acontece com alguns “fornecedores”. Não se iluda nossa empresa tem o único equipamento no Brasil para analise de Ozônio na fase gás em alta concentração, isso levou a um investimento de 18.000 Euros, e só assim é possível garantir a qualidade de nossos geradores de ozônio. Não seja enganado faça a escolha certa desde a primeira vez. Visite nosso laboratório e comprove.

Ø INSTALADOS POR QUEM ENTENDE: mais quinhentos geradores de vários tamanhos, instalados e operando no Brasil e no Exterior. Temos instalações na Alemanha, França, Itália, Dinamarca, Estados Unidos, Canadá entre outros.


12 - Quanto custa ?

Em primeiro lugar, perguntamos: Quanto vale sua marca ? Quanto vale a satisfação e sorriso de seus clientes? O investimento em um gerador de ozônio só tem sentido, se ele servir para manter a qualidade e brindar seus clientes com comodidade e segurança

Temos equipamentos de 20 g/h a partir de R$ 9.000,00 - Consulte outras capacidades

Caso tenha mais perguntas a fazer, não hesite em consultar-nos

Atualize-se. Não deixe que a qualidade de seus produtos seja inferior à de seus concorrentes. Informe-se, veja, ouça. Não se guie por conversa de leigos no assunto.

13 - Como analisar ozônio na água (residual) ?

Existem varios kits para analise no mercado. O método mais comum usa o DPD. Nós usamos normalmente um kit alemão que pode ser comprado no Brasil. Quer mais detalhes de como é essa analise CLIQUE AQUI

14 - Como analisar ozônio no Ar ?

Existem varios kits para analise no mercado. O método mais comum usa um tubo de vidro calibrado. Nós usamos normalmente um kit alemão que pode ser comprado no Brasil. Quer mais detalhes de como é essa analis visite o site DRAGER - http://www.draeger.com.br/

15 - Como dimensionar um gerador de ozônio para tratamento de água ?

O primeiro conceito que temos que aprender é o significado do tal “ppm” que é bem simples apesar de mistificado.

 

O que é PPM?

 

PPM quer dizer Partes Por Milhão ou quanto de esterilizante em peso é necessário para esterilizar tanto em água em peso (lembre acensidade de água é igual a 1 – ou seja 1 litro = 1.000 gramas ).

Para tornar a explicação bem simples para leigos resumidamente podemos dizer que no caso de água 1 PPM significa 1 grama para cada metro cúbico (mil litros) de água que se quer tratar ou seja se falamos 5 ppm vamos precisar de 5 gramas de esterilizante no caso ozônio para esterilizar mil litros de água por hora se você tiver uma vazão de 6 mil litros hora precisará de (5 x 6)= 30 gramas/hora

 

Quantos PPM preciso para tratar minha água?

 

O primeiro passo será determinar qual a demanda de ozônio em gramas é necessária para tratar sua água ou seja quantos PPM vou precisar para trata-la.

A demanda é causada por tudo que vai consumir o no processo de esterilização como ferro, manganês, bactérias, matéria orgânica, etc....

 

Como calcular essa Demanda?

 

Primeiro vamos separar dois casos água potável e piscinas e efluentes (esgoto).

O primeiro podemos calcular mais facilmente pois em caso que a agua é limpa podemos dizer que se não há ferro ou manganês na água você para trata-la vai precisar de 0,5 ppm de ozônio por mil litros de água, lembre-se que o ozonio é 6.000 vezes mais ativo que o cloro então dosagens que para cloro são comuns como 8 ppm em ozônio são um absurdo. Ex. Você tem um vazão de 3.000 litros hora vai precisar de 1.5 gramas hora – Ou seja um gerador de ozônio que gere 1.5 gramas hora aplica-se um fator de segurança para não trabalhar muito no limite e se dimensiona um gerador de 2 gramas hora.

 

E se minha água tiver Ferro e Manganês?

 

Pode-se também calcular da seguinte maneira

 

Ferro 1 x1  ou seja se tiver na analise 1 ppm de ferro vai precisar de 1 ppm de ozônio para tratar sua água

Manganês para cada ppm de manganês vai precisar de 2.5 ppm de ozônio para tratar a água. Lembre-se que filtros serão necessários para reter este material. Visite www.ozonio.com.br/ferro.htm e saiba mais.

 

 Use sempre uma fotor de segurança de 30%

 

E o segundo caso efluentes ou água suja como determinar a demanda?

 

Existem laboratórios que fazem este procedimento, procure um laboratório de qualidade que este procedimento faz parte do “Standart Water Analisys” da OMS (Organização Mundial de Saúde). Mais ele é basicamente o seguinte.

Em laboratório pegam se 3 amostras da sua água e a colocam em copo tipo becker com agitação, com um gerador de ozônio de produção conhecida se colocam no primeiro 3 segundos de ozônio (Correspondente a uma produção de n miligramas) no segundo 5 e assim respectivamente. Isso corresponde a uma dosagem de n ppm no primeiro, x no segundo e z no terceiro. Aguarda-se quinze  minutos e se faz a analise para saber se  o objetivo foi atingido (Ex. Redução de DBO, DQO, Turbidez ou o que se deseje atingir) assim vai se aumentando a dosagem de ozônio  até chegar ao resultado desejado repetindo –se a analise no final. Assim vai se saber quantos PPM serão necessários para cada mil litros de água e de posse da vazão a ser tratada  qual o tamanho do gerador de ozônio necessário em gramas hora.

O teste piloto é a segunda possibilidade e mais precisa que o laboratório pois pega o efluente “in loco”. Ele consiste do seguinte: Instala-se uma derivação de seu efluente principal com uma válvula tipo gaveta para ajustar a vazão nessa derivação ainda se instala um medidor de vazão tipo rotâmetro e um gerador de ozônio com produção fixa e conhecida.

Vai se variando a vazão e realizando analises do efluente que sai desta derivação até encontrar que o a vazão para o resultado a que se quer atingir seria de n mil litros hora, sabendo-se que a produção do gerador é de 1 grama por hora por exemplo se o resultado obtido é que com uma vazão de 200 litros hora se obtem o resultado desejado  portanto uma demanda de 5 ppm

O Ozontechik aluga um kit com Gerador de Ozônio + Medidor de Vazão + Injetor de Ozônio para seu teste o valor do aluguel por 30 dias é de R$ 7.800,00.

Não seja iludido não é possível estimar uma demanda de ozônio sabendo se só a vazão ou com uma analise físico química, sem um teste de laboratório não é possível estimar uma vez que inúmeros fatores que mudam de local para local influenciam no resultado (temperatura, turbidez, cor, DBO etc...) Não existe varinha mágica nem premonição sem um estudo sério você vai estar entrando numa fria.....

Saiba como fazer: Standard Methods for Examination of Water & Wastewater (Standard Methods for the Examination of Water and Wastewater) by Lenore S. Clescerl página 2-42 - capitulo 2350 livro disponivel na www.amazon.com

 

16 - E como o faricante de um gerador de ozônio sabe qua esse ou aquele gerador produz tantas gramas hora?

 

A Ozontechnik é a única empresa no Brasil que afere um a um a produção de seus equipamentos ou seja quando você compra um gerador de 7 g/h esta levando um equipamento com esta capacidade e não está sendo enganado como acontece com alguns “fornecedores”. Não se iluda nossa empresa tem o único equipamento no Brasil para analise de Ozônio na fase gás em alta concentração, isso levou a um investimento de 18.000 Euros em um instrumento de fabricação Alemã,  só assim é possível garantir a qualidade de nossos geradores de ozônio. Nossos equipamentos são testados um  a um em laboratório próprio.

 Não seja enganado faça a escolha certa desde a primeira vez. Visite nosso laboratório e comprove.

 

17 - Ouvi uma reportagem em um jornal local que fala que ozônio é um poluente e faz mal. Isso é contrário a tudo que li acima como explicar ?

Reproduzimos aqui, parte de um texto publicado em http://www.ozongesellschaft.de/index-e.html

Medical Society for Ozone Application in Prevention and Therapy - Alemanha

Headquarters Europe:

Nordring 8
D-76473 Iffezheim
Phone +49-7229-30 46 17
Fax: +49-7229-30 46 30
Email:info@ozongesellschaft.de

"..............  As we are able to measure O3 very accurately, it is therefore used and quoted as an indicator for environmental pollution, though it does not cause it. ..................... "

Tradução:

"............... Como somos capazes de medir O3 de modo muito preciso, ele é por conseqüência utilizado e citado como um indicador para a poluição ambiental, ainda que não a cause. ....................... "

 

CONCLUSÃO: Erroneamente publicam-se em jornais diários, entre eles Folha de São Paulo ou veiculam-se matérias na TV (noticiários da Rede Globo), citando o ozônio como agente poluidor, quando na verdade o ozônio está sendo utilizado para medir indiretamente a poluição ambiental nas grandes cidades.

Esta distorção gera por vezes atitudes refratárias em muitas pessoas, entre elas eventuais pacientes de Ozonioterapia. Devemos desmistificar estas versões, que muitas vezes nos parecem ser fruto de algo dirigido. Estas matérias jornalísticas muitas vezes são endossadas por Cientistas de entidades renomadas, o que dá junto aos cidadãos que as recebem, uma certa credibilidade, por vezes difícil de refutar.  

O ozônio, aspirado dentro de limites, não é prejudicial ao ser humano, já que está presente na atmosfera.

Seria como no seguinte exemplo: Voce pega uma infecção seu corpo produz então anticorpos para combate-la então a aumentam em seu corpo a quantidade de anticorpos, seu médico faz uma analise de laboratório em seu sangue  e conclui que a sua doença é porque vc tem anticoporpos demais. A nalise esta certa mais os anticorpos estão combatendo a doença e não causando.

O mesmo acontece com ozônio ele esta combatendo a poluição e não causando. Em resumo quando há poluição a natureza gera ozônio para elimina-la.  Quanto mais sabemos mais admiramos natureza e como ela é sábia e maravilhosa. 

18 - Quer saber mais sobre a camada de ozônio e sua destruição acesse o exelente link abaixo ?

http://www.dge.inpe.br/ozonio/

19 - Existem estudos publicados sobre ozônio ou isso é uma novidade?

Sim muitos no Brasil e no exterior, ele foi usado na primeira estação de tratamento de água que se tem notícia no mundo em Oudshoorn, Holanda, in 1893 em 1906 outro ozonizador e istalado para tratar a água de Nice na França muito antes do cloro, um alemão de nome Voz Siemens construiu o primeiro gerador industrial em Berlim e em 1916 o ozonio já era usado em 49 instalações para tratamento de água sendo 26 na França. Já em 1977 já eram 1043 instalações de ozonio para tratamento de água em todo o mundo.

O ozônio é usado para tratamento de feridas desde 1915 durante a Primeira Guerra Mundial, muito nos espanta portanto quando ouvimos  que "não existem estudos", ou ainda pior alguns pesquisadores publicam como suas descobertas que já haviam sido feitas e publicadas há muitos anos.  Veja o caso publicado como descoberta por uma funcionaria da Sabesp em São Paulo da contaminação da água por Cryptosporidium, publicado na Folha de São Paulo em 2000, isso já havia sido descoberto em 1907 por Ernest Edward Tizzer  e o pior ela na reportagem afirma  que não havia tratamento quando este tratamento já era conhecido desde  1992. Afirmar que não existe literatura é um grande absurdo.

No último Congresso Internacional sobre Ozonoterapia que ocorreu em Santo André São Paulo em 17 a 19 de setembro  2004 foram dias consecutivos de apresentação de estudos. Encomende as palestras em DVD www.tvmed.com.br

 O ozônio foi descoberto por Martinus Van Marum em 1.785. De lá pra cá posso garantir que o assunto foi vastamente estudado.

Martinus Van Marum
Credited with the Discovery of Ozone, 1785
( In 1840, Christian Friedrich Schöenbein
Correctly classified it )


Se voce quer ver alguns trabalhos cientificos independentes sobre ozônio no Brasil e no exterior acesse: www.ozonio.com.br/cientifico.htm

20 - Quer conhecer a história do ozônio veja abaixo.

História do Ozônio

·         1785 - Discoberto pelo Químico Holandes Martinus Van Maurun

·         1840 - Classificado por Schönbein

·         1893 - Usado como desinfetante para tratamento de água

·         1909 - Usado para preservação de Alimentos

·         1915 - Usado para tratamento de feridas e outros procedimentos clinicos

·         1939 -  Usado pela primeira vez para prevenir crescimento de fungos na estocagem de frutas

Historia da classificação GRAS (reconhecidamente seguro)

·         1982 - O FDA declara o Ozônio como GRAS em água engarrafada

·         1995 - O FDA renova a declaração do Ozônio como GRAS em água engarrafada sem ressalvas

Status do Ozone na Indústria Alimentícia

·         1982 -  O FDA declara o Ozônio como GRAS em água engarrafada(Federal Register, Vol. 47, No. 113, November 5, 1982)

·         1997 - Estudos de Especialistas : Avaliação do histórico do ozônio e sua segurança para processos alimentícios de consumo humano. Vol. 2 : Abstracts. Electric Power Research Institute, Palo Alto, CA. R & D Enterprise, Inc. / GRAS self declaration (Federal Register, v. 62 #74, April 19, 1997)

·         2000 - Aprovação renovada do FDA e USDA .

21 - O uso do ozônio é aprovado pelos orgãos de saúde?

      Sim. A portaria da ANVISA Nr. 25/76 publicada no Diario Oficial da União em 09/11/1977 veja o texto:

      Publicado no Diário Oficial da União de 09/11/l977 - Resolução no. 25/76 da Comissão de Normas e Padrões para alimentos, que estabelece:

"...............................

3.8.13 - O equipamento para o processo de enchimento e fechamento dos recipientes, bem como os condutos, canalização, depósito e utensílios que entram em contato com a água da fonte, deverão ser submetidos a processo de higienização, podendo ser empregadas preparações desinfetantes contendo cloro, dióxido de cloro ou água.ozonizada, devendo a eliminação destes agentes, ser testada por reações indicadoras adequadas. 

      Ele também é aprovado também pelo FDA (FOOD AND DRUGS) dos Estados Unidos para uso em alimentos de consumo humano - Clique aqui e veja o texto no site do FDA

Caso voce decida usar este texto parcial ou integralmente por favor cite a fonte e o autor.

Por Marcelo Barazal